You are here

Posts por Assunto

Redes Sociais

Ser “cabeça”.
A pessoa repassa coisas que acha “cabeça” para parecer “cabeça”.
Mas isso só mostra que ela não é “cabeça” e está tentando parecer “cabeça”.


Internet democratizou ou não a comunicação?
A Internet democratizou totalmente a fala.
Mas reforçou a ditadura da manipulação de quem ouve.
Isto é, qualquer um, hoje, com seu celular e um reles plano de dados, pode falar, criar e publicar seus conteúdos, mas isso não quer dizer que será ouvido.
Digo, o que realmente é ouvido pelas massas continua sendo quem tem força de publicação. Continua sendo famoso quem pode mais. A audiência (seu volume) continua sendo totalmente influenciada pelo dinheiro.
A Internet, na verdade, amplificou em muito justamente essa força.
Quem pode mais, grita mais altoooo!!!


Será que, agora, a tecnologia nos dando olhos e ouvidos por todos os cantos e momentos, nos faremos mais éticos? Ou mais idiotas?
Veremos...
Se o caminho é para a ética generalizada (Deus queira), principalmente das instituições, quanto tempo levará para a "verdade da mídia hegemônica" ser sobrepujada?
Ela ainda é muito forte e muito influente também no ambiente digital.


Você é daqueles que acha que sabe a intenção de quem está por trás do post? E sempre "descobre" uma intenção malandra ou excusa?
Doido...


As risadas vencerão.
Mesmo nestes tempos difíceis, com tantas escrotices políticas, absurdos jurídicos, violências policiais, racismos, guerras, vírus…
…mesmo assim, ainda encaro a Internet, em especial as redes sociais, de forma MUITO positiva.
Como já disse, meu Face é um apanhado de páginas e pessoas que fazem sentido para mim e que me trazem informação qualificada. Isso há muito.
Mas, claro que estas notícias e informações são, em grande parte, pelo contexto dos desastres que estamos vivendo, muito ruins.
Mesmo assim, ainda o meu balanço é de um saldo positivo.
Talvez um pouco porque sou um cara positivo mesmo.
Mas o fato é que, além da lama toda que chega, chega também muita, mas muuuuuita coisa engraçada e light.
Não há um dia sequer que eu não esteja navegando e não solte gargalhadas.
São vários os momentos.
Vídeos, memes, gifs, frases, imagens…
É uma diversão só.
Não vejo a hora dessa merda toda passar e ficar só a parte boa.
Só as risadas.
As risadas vencerão.


Os "quase cool".
Na rede tem de tudo.
Sabe aquele cara que quer ser cool, mas na verdade não é?
Mas ele é “espertinho”. Ele varre as redes sociais em busca de coisas e pessoas cools.
Descobrindo algo que ele pode usar como se fosse seu, não perde tempo, produz seu simulacro e posta com toda a propriedade.
Tá cheio de gente assim.


Tem aquele cara que não curte ninguém no Face porque realmente não gosta muito de pessoas, tem rancor, inveja e não é um cara simpático e legal com os outros.
Mas, quando posta, fica de cara ao não receber likes e amaldiçoa todos os que não gostam dele, têm rancor, inveja e não são caras simpáticos e legais com ele.
Acha que exagero? É o que mais tem...


É muito difícil atuar nas redes sociais sem considerar a imagem que você quer passar a quem te lê e vê.
E, portanto, é um belo exercício para o auto controle e auto-conhecimento.
Por isso digo e aconselho sempre: exponha-se!


O cara é tão egocêntrico que, em todo o vídeo que faz, não consegue, em nem um segundo, olhar para a câmera do celular.
Ele fica vidrado em sua imagem. De olho na tela...


Por alguma razão ainda, por mim, não desvendada, o Face é a rede social dos egos e, por isso, dos chatos.
Aqui os egos se manifestam em seus mais feios e chatos aspectos.


Vindo a pé da praia, na direção oposta, outro veranista indo.
E ouço: “saiu no Whats que a única cerveja boa é a Heineken...”
E não ouvi mais nada.
Mas não precisava, o importante estava ali: “saiu no Whats“.
Oh Deus, onde fomos parar!!!


Mais do que nunca os raivosos estão à vontade, não só nas redes sociais.
São raivosos porque transformam em ódio suas frustrações em não conseguir ter entendimento das complexidades das coisas.
Tenho pena, pois a frustração é grande e eles sofrem.
Tenho medo, pois a frustração é grande, e eles fazem sofrer.


Eu adoro o Face (as "redes sociais") por diversas razões.
Mas tem uma coisa foda de ruim que o Face trouxe: a exposição do que teus amigos e familiares pensam.
Antes, festa atrás de festa, reuniões e encontros atrás de reuniões e encontros, tu raramente sabia os, digamos, profundos pensamentos deles.
Hoje, o pessoal de minguada cultura, fortes e rancorosos sentimentos e tosco e raso conhecimento político resolve se expressar e…cagou tudo.
É foda.
As redes definitivamente cagam muito mais do que ajustam as relações.


Cada um tem o Facebook que merece…

O medo do mico é um grande combustível para a hipocrisia geral aqui no Face.
Principalmente a hipocrisia do silêncio. 
"Eu não respondo para não me expor e, depois, me arrepender..."
Já eu, digo: foda-se

O cara de cultura política minguada e ética duvidosa, não exita em comentar em timeline de amigos sem o menor respeito.
É triste...

Etiqueta digital:
Tu postou algo original (um texto, um pensamento, um poema, uma foto, uma música,...) e alguém (leia-se um "fã" ou "cliente final" da mensagem) se deu ao trabalho de ler, ouvir, ver,...seu trabalho, e ainda vai em seus comentários e lhe elogia (ou, melhor, elogia seu trabalho), você tem a OBRIGAÇÃO de responder à contento.
Não ficou claro?
Tá bom, uma regrinha simples prá ti filho...
---Escreva mais palavras do que o teu "fã" digitou.---
(regra "for dummies") 
Acredite, funciona.
O que não pode é o fã ler teu post, acessar teu vídeo que tá lá no youtube, ouvir as músicas, mais de uma, voltar para o Face, ir nos comentários, pensar no que vai dizer, escrever, ficar esperando seu comentário (por que "fã" é assim), e você, numa avaliação egoísta e egocêntrica, dizer "obrigado".
Obrigado, só? Teu cú !! (sempre quis dizer isto aqui no Face, yes!)
 

A coisa é muito doida...
Tu cria um grupo, ultra específico, posta, vê quem viu o post e constata que nem a metade (dos que viram) curtiu. 
???
Cara, porque??
Tô vendo que tu viu o post e não curtiu tchê !!!
Curte porra!!!!
Posso ser chato, mas não sou doido...
Doidos são esses malucos…    

Os muito burros são aqueles que têm muita opinião e pouco, ou nenhum, penso.
E, para estes, o Face é muito, mas muito bom.
Por que?
Porque eles, inevitavelmente, irão falar uma grande merda e vão levar muita porrada.
Essas porradas vão chacoalhar...que é o que eles precisam: uma chacoalhada para começar a pensar e não só a ter opinião.
(esse sou eu sendo otimista...)    

a minha aposta é que o Face seria um lugar muito mais alegre e agradável se as pessoas simplesmente curtissem mais. 
Dá like, não vai te comer um pedaço. 
Dá like, não vai determinar quem tu é. 
Dá like, não vai " abrir um precedente praquele loco",...
Saca?
Às vezes chega a ser sacana não dar um like numa coisa que tu gostou, que deu uma puxada no canto de tua boca...
Credita teu tempo, teu humor, tua leitura...
Credita aos teus amigos do Face pô !!!    

Seria ótimo se aqui no face as pessoas dessem likes de forma tão descompromissada quanto dão no Instagram.
Talvez seja porque no Face postemos idéias e as pessoas tendem a não apoiá-las para não se identificarem perante aos demais. 
Muito diferente de fotos…  

Eu não critico pessoas, critico atitudes. Principalmente àquelas que já tive e vejo por aí…

Sobre mim (o administrador):
Se tenho um bom entendimento de algo e vejo que pode ser útil aos mais jovens, eu posto.
It's not a big deal. 
São só pensos de situações corriqueiras.
Uma instrução a um funcionário, uma visão de uso do Face, empreendedorismo, música, projetos, comportamento,... Preocupo-me quase zero com o que cada postagem pode me fazer parecer ao mundo.
Prático o descompromisso..

Está em busca de reputação nas redes sociais?
Sem problemas! 
Tem mais é que usar isto aqui bem usadinho para teus objetivos.
Mas se você não consegue bancar um assessor/consultor profissional, não seja seu próprio assessor.
É melhor ser somente verdadeiro, senão vai dar merda.
Acredite, o ego é foda e vai te pregar uma peça.    

A contundência nas palavras, nas redes sociais, deve ser sempre combatida sob risco de crises com as pessoas.
O ideal é se esforçar um pouco mais e ser mais óbvio e detalhista.
A preguiça é um forte inimigo nestas horas pois se o cara expõe seu pensamento de forma despreocupada e impulsiva, tende a ser contundente e...vai incomodar gente.  

Pages